//

Notícias > Lista de Notícias



PSDB contribui para aprimorar o Mais Médicos

09/10/2013

 

 

 

Durante a discussão da Medida Provisória 621/13, que cria o programa Mais Médicos, na noite de terça-feira, dia 8 de outubro, o deputado federal Marcus Pestana subiu à tribuna da Câmara para ressaltar as contribuições do PSDB para o aprimoramento do programa, sem deixar de apontar os problemas que ainda remanescem na discussão. O texto da MP foi aprovado ontem, mas os parlamentares votam nesta quarta-feira os destaques com temas específicos da matéria. (Saiba mais)

 

Segundo o tucano, o partido defendeu a necessidade de revalidação do diploma do médico estrangeiro, a introdução da carreira nacional do SUS e a prioridade para os médicos brasileiros no edital do Mais Médicos.

 

“Esse episódio é eivado de equívocos e distorções, uma politização extrema com viés eleitoral, mas o PSDB entende que a saúde é prioritária, que a população deseja mais médicos, e procuramos agir como maior partido de oposição para interferir e aprimorar a política pública,” afirmou Pestana.

 

Em seu discurso, o deputado criticou a falta de diálogo entre governo e demais setores da sociedade durante a construção do programa, enfatizando que a sua criação por meio de Medida Provisória foi um equívoco. Além disso, lamentou que os médicos tenham sido “demonizados” e jogados contra a população. “Os médicos são centrais na atenção à saúde e no SUS. Não se faz um bom SUS tencionando e radicalizando os profissionais médicos,” ressaltou.

 

Para ele, ademais, remanescem alguns problemas essenciais: a situação precária dos médicos cubanos e a defesa dos 10% dos recursos federais para o SUS. “É preciso Mais diálogo e mais preocupação com a qualidade de atenção à saúde das pessoas.”

 

Imagens: TV Câmara

+ Veja mais